quinta-feira, 19 de agosto de 2010

amor


As vezes o amor é grande demais pra caber no peito.
E as palavras pequenas demais pra expressar direito.
Fica tudo meio assim... meio sem jeito.
Tudo isso é causa do seu efeito.
-Em mim.-
Em tudo que me rodeia, até aonde não tem fim.
A saudade que já confunde com vontade.
É torpor que me embriaga do seu amor.
É razão infinita.
É tanto amor que não cabe nessa vida.

Pra você, Jonas. Te amo.

20 comentários:

  1. que lindo, que lindo, que apaixonado e inspirador *-*
    desculpa a pergunta rs, mas Jonas é seu namorado isa?

    "A saudade que já confunde com vontade." amei!

    ResponderExcluir
  2. "As vezes o amor é grande demais pra caber no peito.
    E as palavras pequenas demais pra expressar direito."
    Não poderia ser mais bonito. Amei demais a declaração.
    :*

    ResponderExcluir
  3. O nome é referente à música da Tiê? A música é divina, automaticamente gostei do blog somente pelo nome.

    ResponderExcluir
  4. ooti, seus poemas me encantam cara, que linds !

    ResponderExcluir
  5. AAAWM, obrigada gente! Ah, Tamara, não é meu namorado não, rs. É meu melhorssísimo amigo <3 Kivia, é por causa da musica da Tiê sim! Tiê é linda mesmo, e as musicas mais ainda! E sim, curto Transmissor! hihi.
    Beijos a todos!

    ResponderExcluir
  6. tão belo um dizer seu sobre o amor...

    ResponderExcluir
  7. Isaaaaa, não tenho mais palavras pra comentar aqui no seu blog. Cada dia você posta rimas mais lindas que as outras. Menina, o que é isso? Que dom maravilhoso é esse? Olha, aproveita ele viu? É muito maravilhosa essa sua criatividade. Parabéns *-*

    ResponderExcluir
  8. Achei esse blog, de que maneira, nem eu sei. Mas adorei, querida! Nunca fui muito amante de rimas, mas depois de ler as suas! Uau! Parabéns, continue postando. :) Sucesso!

    ResponderExcluir
  9. O amor que preenche, que domina, que impera todos os sentidos e concebe o eterno desejo. Belo blog, te sigo!

    ResponderExcluir
  10. Gata, indiquei seu blog lá no meu.
    Beijão

    ResponderExcluir
  11. Já dizia Cazuza " O amor é o ridículo da vida". Muito lindo e cheio de sentimentos seu poema.
    beijos!

    ResponderExcluir
  12. Maravilhoso! Muito fofo... Apesar de você ter dito que é para um amigo, serve direitinho para descrever o que eu sinto pelo menino que eu gosto... *-*
    Parabéns, Isa! Você faz mágica com suas palavras! ♥

    ResponderExcluir
  13. O Jonas deve ter se sentido nas nuvens, Isadora.

    *O amor é como o metal mais precioso, a pedra mais rara, o acontecimento mais solene de uma vida.

    http://jefhcardoso.blogspot.com

    ResponderExcluir
  14. Que fofo *-*
    Adorei as rimas, e as palavras em si.
    to seguindo!

    ResponderExcluir
  15. Verdade Tamara... ando sumida! rs. Mas tô aqui de novo, rs. E tô seguindo todos que comentaram aqui, muito obrigada aliás!
    Ah, Marcelo, muito obrigadérrima pelo o selinho! Beijos <3

    ResponderExcluir

Assine também!